Prisão sem grade.

DGt-XHYXoAIivVk (1)

 

E há quem diz que a distância é a pior coisa que pode existir numa amizade ou num relacionamento. Acreditem, o orgulho destrói qualquer pessoa.

O orgulho é um sentimento que nos faz focar no “eu”, como se fôssemos o centro de tudo, como se nosso umbigo fosse o mais bonito dentre os bilhões que existem, como se nunca fôssemos perfeitos, como se a razão estivesse sempre ao nosso lado a ponto de negarmos um pedido de desculpas e assumir nosso erro. Mas o mundo está muito além do “eu”, há muito mais coisa, existem outras pessoas que são afetadas por essas atitudes mesquinhas e medíocres, pessoas essas que muitas das vezes podem estar certa em determinada discussão ou assunto e ainda sim pedir desculpas sem ao menos estar errada, para assim, manter a paz e a boa convivência. A sociedade hoje em dia é relativa e egoísta, se não for do nosso jeito, não da, não acontece, não tem como, nao funciona, não anda, não vai edificar, não vai dar certo, não vai progredir.. a mente orgulhosa é mesquinha.

O primeiro passo para administrar o seu orgulho, é saber que ele existe, que ele se faz presente dentro de você e que para que seja abolido, ele precisa ser diminuído, precisa ser trabalhado, precisa de atenção e sabedoria, porque o orgulho não destrói só quem esta envolvido num determinado desentendimento, mas destroi principalmente quem o consome, ou seja, você. É um fato que ele existe, mas precisamos aprender a lidar com ele, pense nas situações onde ele mais se manifesta, coloque-o de canto e comece a agir com mais humildade, entender que seu nariz pode ser empinado mas que isso não faz de você o rei do mundo, é essencial. A necessidade de provar que esta certa (o) todo o tempo consome a mente orgulhosa, é exaustivo ter que acertar a todo momento, todo mundo tem que admitir a si mesmo que errar é parte do ser humano, mas na grande parte do tempo isso não acontece, o desejo de estar certa o tempo inteiro e em qualquer ocasião cega aquele que não quer edificar e melhorar desse mal que é o orgulho.

O orgulho leva a dor e se não estivermos aptos a tirar isso de nossas vidas viveremos numa solidão constante, nem todos estão abertos a cederem em prol de manter o bem assumindo uma culpa que não é dele, ou seja, que sejamos maduros o suficiente para assumirmos nossos erros e pedir desculpas quando for preciso. Determinadas coisas tem urgências de melhoras e, que sejam feitas de coração aberto. Isso ajuda na melhora pessoal, profissional, espiritual, ajuda em todos os fatores de nossas vidas, deixamos de nos diminuir cada vez mais para assim, edificarmos. O crescimento humano, como pessoa, como irmão, como marido, filho, esposa.. esses crescimentos que necessitam de um Q a mais de nós, não pode ser regido com orgulho. O orgulho não é só a pedra no sapato de uma pessoa ou de um determinado relacionamento amigável ou amoroso. O orgulho destrói quem um dia sente algo em seu coração, seja o que for, vai ser afetado pelo orgulho. Não plante isso em seu coração.

Ser uma pessoa orgulhosa é machucar a si mesmo e aos outros. Liberte-se do orgulho, não somos superiores a ninguém nessa vida.

Anúncios

Respeito e paz.

religiao

 

Religião não se discute. Ainda mais com os amigos, parentes, conhecidos de longas datas. Se levássemos a sério as religiões dos outros, não teríamos mais amigos nessa vida. E você deve evitar esse tipo de confronto. Cada um tem seu modo de pensar e agir e só cabe a você respeitar isso. Se sentir que uma confusão vai começar, nem levante o assunto. Deixe essa pauta fora de suas conversas. Existem inúmeras pessoas nesse mundo todo e acredite, elas não pensam como você, não agem como você, não concordam com as coisas que você define ser certo… é cada um com o seu próprio pensamento, forma de agir e pensar.

A religião é algo tão pessoal do ser humano que não deve ser colocada em pauta numa roda de amigos porque dificilmente você vai achar uma pessoa que tem as mesmas ideias e os mesmos pensamentos que você. O que você julga certo na Igreja católica, outra pessoa pode julgar ser um erro, o que você diz tanto estar errado sobre a Igreja evangélica, inúmeras pessoas acham certo. Se você fosse o dono da razão, a igreja que você julga estar fora da doutrina certa estaria vazia e, como sabemos, o numero de cristãos no Brasil só vem crescendo seja lá qual for a religião. Respeite o meu espaço e eu respeitarei o seu. Juntos podemos mudar o mundo, promover o bem e ajudar mais pessoas a encontrar sua paz. A crença pouco importa, apenas o respeito e a vontade de fazer o bem que existe dentro de cada coração.

Pode ser candomblé, cientologista, hindu, hare krishna, xamã ou outra, mas o importante é que todas saibam celebrar sua religião, é saber que cada um tem sua fé e merece espaço para celebrar a mesma. A desigualdade entre as religiões não é de hoje que existe, ou seja, já existe urgência nesse assunto para parar a implicância e o achar que somos os donos da razão em querer ditar as regras dizendo que a NOSSA religião esta certa e a do coleguinha esta errada. É tempo de abrir o coração e aceitar o próximo como ele é. Não julgar, não criticar, não perguntar sobre, não questionar, não procurar saber de algo que não lhe diz respeito. Só dissemine a paz, faça nascer a sensação de busca constante que todos os locais buscam. Não atire uma pedra no outro e, passe a olhar mais para si, para o seu próprio pé antes de olhar para o do outro. E isso serve em todos os fatores de sua vida, não só para religião. Não existe ‘melhor’ religião, existe aquela que foi feita para o seu coração, que tem o encaixe perfeito, que te faz sentir algo bom dentro de si, que te acolhe, que te guarda, que te cuida.

O respeito ao direito alheio é a paz.

Cicatrizes fecham e fim.

passado

 

E ponto.

É difícil e, eu sei bem como é complicado deixar determinadas coisas pra trás. Mas tem coisas que PRECISAM ficar só na memória. O passado tem seus lados bons e ruins. Mas sempre vai existir o passado. O ontem é passado, você sabia? O carnaval é passado, o banho que você tomou hoje a tarde é passado, a unha que você fez hoje de manhã também é passado. São coisas que aconteceram, que passaram, que morreram, que não devem ser tiradas de seu determinado lugar, que não devem ser mexidas.

O seu passado em HIPÓTESE alguma pode ter poder no seu presente ou até mesmo no seu futuro. A sua vida tem por obrigação ser diferente, tem uma meta que você deve seguir e se você não se compromete consigo mesmo, não vai conseguir se comprometer nem com o tio que passa vendendo picolé na rua. Se você viveu, acabou, passou, tirou do sue coração, não esta mais presente em sua vida, esqueça! Não é pra estar, não é pra viver de novo, não é pra cutucar. Passado foi feito pra enterrar, não pra revirar. Se não te trás nada de bom, se você não foi feliz, se você teve dificuldade e não conseguia o que hoje você consegue, pra que voltar para o erro? Não vale a pena desenterrar memórias, mágoas ou, até mesmo, o “você” do passado. Se você se fez em outra versão é porque aquela lá de trás já não cabia a pessoa que edificou dentro de você, é preciso acima de qualquer coisa saber onde você pisa. Você superou tudo aquilo e se tornou alguém melhor, não precisa dessas lembranças para atrapalhar seu crescimento pessoal, profissional ou seja lá qual for a área da sua vida, mas passado é passado.

As experiências passadas devem servir apenas de aprendizado e nada mais. Não dê mais importância do que elas merecem. Tudo o que você viveu foi lindo sim! Mas não tenha medo de tentar coisas novas acreditando que não poderão ser tão belas quanto as que passaram. Podem ser ainda melhores. Mas você só vai descobrir se tentar, pois o que passou já não volta mais, ficou lá atrás, ficou onde deveria ficar, as pessoas, coisas, acontecimento.. nada disso vai voltar. Por isso, viva. Lá na frente você vai sentir o prazer de se refazer diversas vezes se permitindo viver olhando pra frente. Só pra frente. É claro que os momentos já vividos merecem ser relembrados – há exceções – , porém as lembranças não devem tomar conta de absolutamente nada em você, pois depois de depositadas em nosso coração, existe uma grande probabilidade de surgir vontade de revive-las. Sejam eles momentos lindos ou escuros, com risadas ou choros, entenda que só são lembranças, NÃO podem passar disso. Quer ser feliz? Liberte-se do passado e comece a dar uma nova sequência à sua vida. Não continue na mesmice que ficou lá atrás. 

Não é porque o passado não morre que temos que viver preso nele, é uma história que você já conhece. Lembre-se de que quanto mais você se apega e não se desprende do passado, menos conseguirá fugir dele – quando quiser -. Se fosse possível modificar as lembranças, você não acha que todos nós teríamos belas histórias? Não iria existir tristeza nem choro. Seria só alegria.. mas ai não se chamaria vida. Deixe as coisas antigas onde devem estar. Não é à toa a existência daquele ditado que fala que quem vive de passado é museu.

Se liberte desse peso desnecessário.

Primeiro eu, segundo eu, terceiro eu.

prioridade-descartada

 

 

Obviamente você já ouviu alguém dizendo “é tudo uma questão de prioridade”… essa frase é tão ouvida que chega ser chata, mas ainda sim, não deixa de ser a maior verdade já dita. Você sabe que é você que define o que chega primeiro como preocupação em sua vida, né? Porque se não sabiam, sinto informar que a sua vida pode estar a merda que esta simplesmente porque você esta no foco ERRADO.

Quem ainda não se encontrou precisa prestar mais atenção em suas escolhas ou vocês acham mesmo que podem fazer como Zeca Pagodinho e deixar a vida levar? Estimular o que deve ser importante na sua vida é mais que OBRIGAÇÃO. Antes de tomar uma decisão importante, passe um tempo consigo mesmo refletindo sobre o que irá fazer, se aquilo vai te favorecer, se vai te edificar como pessoa, se vai te fazer bem, se esta próximo ao seu sonho, se você REALMENTE quer isso, porque mentir pra si mesmo é sempre a pior mentira. Afinal, são suas prioridades que te definem. Não tenha medo, não TEM que ter medo. Não abandone tudo por coisas passageiras. Recorde e resgate os dias onde tudo foram flores plantadas no jardim da vida e regadas pelo sentimento do amor. Dê valor a tudo isso, exclusivamente prefira tirar proveito das coisas boas que acontecem, entende? Antes de qualquer coisa pense no SEU BEM, mantenha suas prioridades do início ao fim e priorize os sentimentos únicos, aquilo que SÓ você sente por determinada coisa que você fez de bom pra VOCÊ mesmo, até mesmo uma unha, um cabelo, um dia todo sem encostar no telefone e descansou, coisas que você precisa para se sentir bem consigo mesmo antes de qualquer coisa, antes de querer se sentir bem com qualquer outra pessoa.

O mundo não vai esperar que satisfaça os outros para depois satisfazer a você mesma, então hoje procure a sua satisfação primeiro e as outras coisas simplesmente são outras coisas e não precisam de prioridade. Chega uma hora na vida em que a gente decide deixar de se importar com muitas coisas para se preocupar apenas com o que realmente vale a pena: eu. Hoje não quero saber de nada, eu sou a única pessoa que importa. Ter em mente que você vale mais do que qualquer problema fútil é essencial para sua vida dar certo, é primordial para que as coisas possam fluir como você planeja, caso você coloque como prioridade qualquer outra coisa que não favoreça você, tudo, incluindo seus planos poderão desandar. Não é ser egoísta se colocar em primeiro lugar, não é ruindade pensar nos seus sentimentos primeiro, não é feio SE PRIORIZAR. Além de necessidade existe uma precisão dentro de nós que pede mais calma pra alma, que pede paciência consigo mesmo, que pede calmaria para sabermos colocar cada coisa em seu devido lugar, inclusive as pessoas.

Amar a si mesmo e se priorizar é o começo de um romance que vai durar a vida inteira.

“Ô lá em casa… do caralho!”

assedio-moral

Depois do NÃO é assédio sim.

É tão simples vocês entenderem, porque algo tão natural não entra na mente minúscula de vocês? Vamos por partes, titia vai explicar. Existe o SIM e existe o NÃO. E mediante o que vier pra você, só caberá ACEITAR e RESPEITAR.

Deixar de dizer seu verdadeiro estado civil, dar um fora severo na balada, deixar de chegar em casa no horário, deixam de ser claras… pequenas atitudes que nós mulheres tomamos por termos medo de pedir algum tipo de ajuda em voz alta, a persistência que determinados homens tem nos causam desconforto, medo e muita das vezes em violência. Ir ao trabalho, à faculdade ou à academia pode não ser tão simples quanto parece, isso existe em todo lugar, isso infelizmente EXISTE frequentemente. Muitas vezes, em coisas do cotidiano, festas, roda de amigos, as mulheres são acometidas com os mais variados tipos de assédio e, muitas vezes, não podem se defender das grosserias e dos ataques que estão sofrendo, pois sentem que algo pior pode acontecer, muitas pessoas que não passaram por isso não imaginam como é, só agradeçam por isso. São momentos de horror e terror. Uma mulher não pode ficar numa festa tranquila e deixar seu copo num balcão justamente por causa do assédio, uma mulher não pode ser educada com um homem que acham que esta dando mole, uma mulher não pode conversar com um cara por mais de 15 minutos porque já esta dando mole. A mulher pode fazer o que ela quiser e pra vocês, machos, que não sabem se controlar, saibam que para o desprazer de vocês a união feminina em questão a esse desagrado tem crescido cada vez mais. Saibam se pôr no devido lugar de vocês e entendam que NÃO é NÃO.

Se uma mulher diz que não quer se envolver com um homem, ela deve ser respeitada. Nenhuma pessoa é obrigada a beijar, transar ou namorar com quem ela não quer. LIMITE. Cada um deve saber o seu. O fato de uma mulher ter se relacionado com um homem em um dia, não significa necessariamente que ela sentirá essa vontade outra vez. Se ela disse que não, o homem deve guardar para ele todo lamento e “vontade” que diz ter. Tem uma frase que diz assim: “Precisamos combater o assédio contra mulheres em locais públicos e isso inclui a internet”.. ou vocês acham mesmo que o assédio é só nas ruas, festas e afins? Eu digo, isso existe em TODO lugar, mas precisa em caso de urgência acabar, tem levado inúmeras mulheres a morte por conta da falta de respeito e mente sã.

“De saia, shorts ou burca, eu quero respeito. Minha roupa não determina o meu valor nem dá espaço para que homem nenhum encoste no meu corpo sem a minha autorização. Assédio não é consentido em hipótese alguma, nenhuma mulher pede para ser violada. O corpo feminino é um templo e, só a mulher tem direito de escolher quem o conhecerá.”

Caminhar por um lugar público não torna o meu corpo público.

E se…

arrependimento-770x359

“É muito mais fácil arrependermo-nos dos pecados que cometemos do que daqueles que pretendemos cometer.” Josh Billings.

 

 Por isso eu sempre falo: a cabeça não foi feita para carregar apenas o cabelo, tem um cérebro por ali no qual PRECISA pensar. O arrependimento é algo que vai tão fundo dentro de nós e é sem caminho de volta, pois oportunidades são dadas e passam bem debaixo do nosso nariz. Quando não aceitamos as mesmas, nos arrependermos mais tarde, ou pode acontecer de aceitarmos determinadas coisas e ainda sim, nos arrependermos também mais tarde. Ou porque fazemos algo de errado ou porque aceitamos mais do que deveríamos.

 

De tudo que fazemos ou falamos não devemos nos arrepender se foram verdades e acima de tudo nos retirou um peso do coração, pois o que nos deixa leve é tirar aquilo que pesa o que temos de mais precioso, o coração. Todo arrependimento tem a sua proporção, tem a sua devida importância e devemos saber mais sobre o mesmo em nossa vida, porque bem ou mal, querendo ou não, esta ao nosso redor. Faça do arrependimento a chave mestra com que vai abrir as portas do teu coração e lhe permitir uma nova chance de aderir sabedoria com os erros, com os aprendizados. Esse sentimento de arrependimento é uma forma de deixar o nosso coração ciente de que fomos mal em determinada área em nossa vida.

O seu erro não pode te afundar mais fazendo com que a  depressão chegue em sua vida. Depois que isso acontece, a tendência é só piorar. O objetivo desse sentimento é fazer com que possamos caminhar sabendo onde estamos pisando. Acredite, o arrependimento tem seus lados bons. O arrependimento é nada mais nada menos do que aquele sentimento de “não deveria ter feito isso” e/ou “se eu pudesse voltar no tempo, faria diferente”, ou seja, você adquiriu mais consciência de seus atos e que está constantemente se tornando um ser humano melhor. É sempre muito difícil para qualquer pessoa assumir seus erros e se perdoar pelo mesmo. Errar é humano e com os erros, crescemos e evoluímos.

Há tanta grandeza no arrependimento, que poucos sabem apreciá-la no seu justo valor.

Filho é da mãe SIM.

abandono-paterno-superar-trauma

“Mãe que aborta, mãe que abandona, mãe que troca o filho por qualquer coisa mais ‘importante’ é mãe desafeiçoada! E você, pai? Acha que só mãe tem obrigação e que você faz um grande favor quando dedica tempo para o seu filho? Faz sim, um grande favor para você mesmo, plantando amor no coração de seu filho. Hoje ele quer você, amanhã você é que vai querer ele! Mulheres abortam por existir caras como você!
O Adão culpou a Eva, a Eva culpou a serpente, e você culpa quem por tanta maldade neste seu coração?”

Nem só da mãe vive um filho!

Vi esse texto uma vez e nunca achei que precisaria usa-lo nas minhas dissertativas, mas, é triste saber que a amargura ainda habita nos corações de homens arrogantes, com corações mesquinhos e com a alma podre. Não existe nada mais doloroso para uma pessoa em sentir o abandono do próprio pai, é um sentimento sem espaço em nossa mente, porque não é algo que aprendemos, não é da natureza humana tamanha ruindade e crueldade. Os pais devem assumir suas posições na educação dos filhos tanto quanto as mulheres, na hora de “virar o zoin” não foi bom pra ambos? Até peço perdão pelo termo usado, mas já dizia os mais sábios, mais vividos.. se foi bom para ambos, AMBOS SIM assumirão a responsabilidade e consequência dos seus atos.

Dividir as tarefas familiares é importantíssimo no desenvolvimento de uma criança e, não precisa ser apenas uma criança para acontecer o abandono. Tenho o desprazer de conhecer pessoas mais velhas e mais maduras, com um entendimento melhor dessa situação, que infelizmente passam por isso, mas isso tem uma necessidade IMENSA de acabar. Não é porque a mulher carrega o bebê nove meses na barriga, que deve levá-lo durante toda a vida como se ele fosse apenas seu. Não fazer o papel de pai é um comportamento machista. O abandono paterno não precisa ser necessariamente quando o homem sai de casa ou não assume a criança, quando ele decide não participar, exceto financeiramente, da vida da vítima, isso o modifica da mesma forma.

A mulher não tem obrigação de criar sozinha o seu filho, não deve parar de trabalhar para isso, nem deixar de ter uma vida porque o homem decidiu ter uma. Se você é pai, morando ou não com a mãe do seu filho, assuma essa responsabilidade da mesma forma que a mulher a assume assim que descobre a gravidez. Ele nem precisa ter nascido para que você já comece a agir como pai. Vale acima de qualquer coisa a conscientização e a sabedoria para lidar com ato tão desumano.

O egoísmo é pior quando envolve seres humanos que não tem culpa alguma.